Naish 2012

10 07 2011

Aqui está um cheiro do novo material da Naish 2012

 

 

 

Advertisements




Downwind em Faro

21 04 2009

 downwind-faro-2009

Um sucesso este fim de semana em Faro, com uma boa organização, pessoas muito simpáticas e vento !

Estivemos indecisos em participar porque as previsões não eram muito favoráveis, mas após uns telefonemas para os locais lá nos decidimos e ainda bem porque foi mesmo muito bom.

No sábado assim que o céu limpou o vento começou a bombar, tinha a 12 m2 montada e ainda tive tempo de trocar pela 9, mas o downwind não me correu muito bem , porque a meio desapertou-se um footstrap.

No Domingo, a organização fez uma competição de race, com duas regatas, o vento estabilizou nos 15 – 16 nós, não era um percurso tão exigente como no nacional, mas deu para curtir muito 😉 foi uma boa estreia para  a Helix 12 m2.

Acabei por vencer as duas regatas, mas o mais importante foi o convívio e a satisfação de todos os participantes, em 2º lugar ficou o João Luis da Takoon e em 3º Lugar um espanhol rider da Airush, Augusto Garcia.

Seguiu-se uma alta churrascada e a entrega dos prémios, foi a mais demorada que já vi, demorou quase uma hora, pois o speaker tinha muita piada  e metia umas histórias e anedotas pelo meio, era só rir 🙂

Obrigado Clube Náutico e a todos pela forma como nos receberam !

Veja em Conquilha.com  a reportagem completa.

race-faro1

dsc002112

 





III Downwind e Big Air em Kitesurf Cidade de Faro

3 04 2009

cartaz_downwind_3

Após o sucesso das edições anteriores, o Centro Náutico da Praia de Faro apresenta a edição deste ano do Downwind e Big Air em kitesurf. Este ano o evento decorrerá num formato ainda mais ambicioso durante o fim de semana de 18 e 19 de Abril na Praia de Faro.

Esta zona do Algarve apresenta-se como uma “Meca” da prática de kitesurf caracterizada por excelentes condições de vento e de espaço que garantem a segurança dos praticantes. Para além dos atletas locais, a afluência de pessoas de todo o país, da Andaluzia e de Turistas de outros países da Europa, fazem da Barrinha de S.Luís um local de excelência para a prática do kitesurf.

A Divisão de Desporto e Juventude da Câmara Municipal de Faro tem acompanhado este crescendo da modalidade e este evento é já um dos mais concorridos do país trazendo ao Algarve pessoas de toda a parte para participar.

O dia de sábado terá como ponto alto a realização do Downwind. Este não terá qualquer vertente competitiva. Trata-se de partir da Praia do Forte Novo em Quarteira e chegar à Ilha de Faro desfrutando ao máximo do mar e da paisagem. A frota irá navegar de forma descontraída sem que haja classificações a atribuir. Prevê-se um belo espectáculo no mar, uma decoração única na costa do Algarve com os 60 participantes a navegar perto de terra.

No domingo, sob a supervisão de elementos da APKITE – Associação Portuguesa de Kitesurf -, será realizado um Big Air ou alternativamente uma regata na vertente Race em função das condições atmosféricas que se verificarem na altura.

 edicao_2008

A inscrição terá um valor de €25 e inclui inscrição em todas as actividades do evento ao longo do fim de semana, seguro, lanche de mar, churrasco e licra do evento.

Está prevista uma demonstração de Street Surfing, uma nova vertente de skate que proporciona a sensação de “surfar em terra”. Estarão disponíveis pranchas para todos os interessados poderem testar esta novidade.

Fonte : Conquilha.com





Santa Cruz Ocean Spirit 2009

13 03 2009

ocean-spirit21

A organização do festival Ocean Spirit, apresentou ontem aos parceiros empresariais e comunicação social  o evento de 2009, que promete ser ainda maior e melhor que as ediçõea anteriores, aqui fica parte do projecto apresentado.

De 23 de Julho a 2 de Agosto de 2009 decorrerá o evento “Santa Cruz Ocean Spirit” – Festival Internacional de Desportos de Ondas e realizar-se-á na Praia do Mirante, Santa Cruz, concelho de Torres Vedras.

 O Festival Santa Cruz Ocean Spirit teve a sua origem alguns anos antes quando dois amigos, praticantes de Kite Surf propuseram-se a organizar uma travessia por mar (Donwind), entre as Praias de Super-Tubos (Peniche) e Praia do Pisão (Santa Cruz). Após três edições de sucesso consecutivas, surgiu a ideia de prolongar o convívio entre os atletas e abranger novas modalidades de desportos de ondas.

 Assim surgiu o Santa Cruz Ocean Spirit – Festival Internacional de Desportos de Ondas. Este evento tem como principais objectivos fomentar a prática dos desportos de ondas, privilegiando o espírito de convívio, alargado às famílias e público em geral, bem como, elevar a Praia de Santa Cruz a uma possível Capital Europeia de Desportos de Ondas.

 Em sintonia com a vertente desportiva oferecemos um Festival de música com cartaz apelativo, trazendo artistas nacionais e internacionais de renome.

 E se nas edições anteriores movimentámos cerca de 150.000 pessoas, queremos que 2009 seja o ano de viragem no Festival, pois daremos uma ênfase maior à noite, com o objectivo de que possa, a médio prazo, preencher uma lacuna na região Oeste e ser um Festival de bandas de referência, quer a nível nacional quer internacional, e que chegue a movimentar cerca de 200.000 pessoas durante os dias do festival.

EDIÇÕES ANTERIORES – 2007 e 2008

 Modalidades presentes

Kitesurf, Surf, Bodyboard, Skimboard, Kayak Surf

 

image1 

Números do Festival

 Estiveram presentes cerca de 500 Atletas Nacionais e Internacionais em cada uma das edições. A destacar o Campeonato Mundial de Kitesurf (KPWT) 2008 que trouxe a Santa Cruz os campeões em título e os melhores atletas da modalidade, bem como a etapa do Campeonato Nacional de Surf onde pudemos contar com a presença e vitória do atleta português Tiago Pires que compete a nível mundial na modalidade. No que respeita ao Skimboard tivemos a presença do campeão do mundo James Lovett, o mesmo acontecendo com o Kayak Surf que nos presenteou com a presença de Dareen Bason e Edu Etxeberria entre outros.

 Ao longo das duas edições anteriores foram oferecidas cerca de 1200 happy hours (aulas grátis das modalidades presentes) e cerca de 500 crianças participaram empenhadamente nas actividades do Projecto Ambiental.

A Aldeia Neptuno já recebeu a visita de cerca de 150 000 pessoas, que puderam usufruir das escolas, surfshops, bares e restaurantes que quiseram marcar presença no Festival ao longo das duas edições anteriores.

 A cobertura mediática do evento superou as melhores expectativas em 2007, mas foi ao longo desta ultima edição, que o Festival Ocean Spirit conquistou um total de 196 notícias em mais de 80 órgãos de comunicação social.

 A escolha dos desportos volta a recair sobre o Kitesurf, Surf, Bodyboard, o Skiming e o Kayak Surf por serem desportos que transmitem espectacularidade e pelo seu potencial para atrair praticantes de todas as idades. A novidade desportiva para esta edição será a inclusão do Longboard que, pelo seu carisma, se integra totalmente no espírito do evento.

 Campeonato Mundial de Kayak

  • Mundial Skimboard – Zap International
  • Campeonato Mundial de Kitesurf – KPWT
  • Campeonato Europeu de Longboard
  • Campeonato Nacional de Surf
  • Campeonato Nacional de Kayak Surf e Wave-sky
  • Campeonato Nacional de Kitesurf
  • Special Event Bodyboard
  • Special Event Surf
  • Downwind

 Eventos Paralelos

  • Triaction
  • Lifeguard Saving Show
  • Demonstrações Paddle Board
  • Demonstração de Barcos Australianos
  • Neptuno Challenge
  • Eleição Miss Reef
  • Workshop’s das várias modalidades
  • Sessões Autógrafos
  • Sessões de Cinema ao Ar Livre

 Estamos certos que a edição deste ano do Festival Ocean Spirit será inesquecível por todos os que quiserem participar e visitar a Aldeia Neptuno.

Fonte : Oceanspirit





Board shorts

26 02 2009

shorts

Antes de comprarem os próximos board shorts, na surfshop local visitem estes sites com vários modelos de calções de surf , das diversas marcas, em Board Short Review ou em iboardshorts.





Its Official – Kite Surfers set Outright speeds

8 12 2008

‘Alexandre Caizergues Speed World Cup Port St. Louis’   

Backed into a logical corner, it seems that ISAF have realised they had no choice but to recognise Kite surfing records with the same status as other ISAF classes, so the new outright worlds speed record over 500 metres is now 50.57 knots.

 

John Reed the Secretary to the WSSR Council writes ‘‘We have been informed by the International Sailing Federation – ISAF – that they will support a decision by the WSSRC to ratify a claim for the Outright World Sailing Speed Record by a Kite-board. 
‘In accordance with this, the WSSRC announces the ratification of a new World Record.’

Record: Outright World Sailing Speed Record.
Board: Fone Prototype Speed. Fone Bandit Dos Speed 7sq m kite.
Name: Alexandre Caizergues. FRA
Dates: 4th October 2008.
Start time: 15:35:00.84
Finish time: 15:35:20.06
Elapsed time: 19.22
Distance: 501m
Current: 0.1kts
Average speed: 50.57kts
Venue: Luderitz, Namibia.
Previous record: 2008. Sebastien Cattelan. 50.26 kts

Here is the footage from that record run.

 

The Council of the International Sailing Federation at their November 2008 had ruled that Kite surfing records could not be recognised as outright records.

The comment on the WSSRC website posted after the November meeting says, at the end of a note ratifying the record of Sebastien Cattelan at 50.26kts as being that of a Kiteboarding record only and adds: ‘Note that at the November Conference 2008, ISAF clarified that a kite-powered craft cannot be recognised as the holder of The World Sailing Speed Record.’ A source close to the World Sailing Record Council told Sail-World that they did not understand the ISAF decision and were seeking an urgent meeting with the world body to resolve the issue.

Sail-World’s New Zealand, Richard Gladwell commented at the time of the original decision:

‘ One problem is that the history of kites in the world of speed sailing is long, and goes back to the 1970’s with craft called Jacob’s Ladder which was essentially a Tornado platform powered by a set of kites which could be multiplied to suit the windstrength.

 

This kite powered craft held the record on a 500-metre course (235 sq. ft. to 300 sq. ft. class) for six years with a speed of 25 knots. 
The ISAF decision was even more difficult to understand when the rules of the WSSRC state: ‘A yacht shall sail by using only the wind and water to increase, maintain or decrease her speed’. Maybe ISAF doesn’t consider a kiteboarder to be ‘a yacht’, but if that is the case why are they accepting records from kiteboards as a category at all?

The logical problem for ISAF was how can your sport be under the auspices of the International SAILING Federation, but that same sport not be eligible for Outright SPEED SAILING records ratified by that world body.

 





ISAF does not recognise kitesurfing speed records!

29 11 2008

sebastiencattelan

We have encountered a lot of confusion about the ratification of the 50.26 knots run by Sebastien Cattelan earlier this year in Luderitz, Namibia, and the upcoming claim for 50.57 knots by Alexandre Caizergues.

WSSRC newsletter number 165 states: ‘Note that at the November Conference 2008, ISAF clarified that a kite-powered craft cannot be recognised as the holder of The World Sailing Speed Record.’

At this stage we only want to clarify that the WSSRC has been always supportive to Kiteboarding and has made clear that they see kiteboards fully eligible to claim the outright speed sailing record. We are working on this topic now with full energy to resolve the matter.

The International Speed Windsurfing Class (ISWC) and the International Kiteboarding Class Associstion (IKA) both officially acknowledge kiteboarders as rightful speed sailing outright world record holders. Kiteboards fully qualify under the ISAF Equipment Rules of Sailing and the WSSRC rulebook for the outright record.

Although the WSSRC feels to be bound by an ISAF policy from former years, when kiteboarding was neither compliant with the Equipment Rules of Sailing nor being an ISAF international class, the only possible conclusion under the actual rule situation and in the spirit of true sportsmanship is to acknowledge the performances of Alexandre Caizergues, Robert Douglas and Sebastien Cattelan, all with runs of more than 50 knots during this years Luderitz Speed Challenge as the speed sailing outright record.

We have been consulted by WSSRC and ISAF to help and try resolve the issue and to ensure good sportsmanship is uphelp.

SOURCE: IKA